Home / Gestante / Diário de uma Gestação: 28ª Semana.

Diário de uma Gestação: 28ª Semana.

Diário de uma Gestação, 28 semanas.
Diário de uma Gestação, 28 semanas.

Olá meninas, tudo bem?

Nossa, andei sumida essas dias pois muitos bebês estão querendo nascer… Mas voltei hoje com o nosso Diário de Uma Gestação!! Hoje na 28ª Semana, que marca o início do 7º Mês e do Último Trimestre!! Iupi!!! Está cada vez mais perto do grande dia!

Nesse momento o bebê vai começar o “Período de Engorda”. Nos seis primeiros meses ele cuidou de se formar, e amadurecer suas funções, de crescer. Agora ele vai começar a ganhar peso. Bem mais rápido do que você imaginou. E, com isso, sua barriga vai começar a crescer a cada dia!

Com o aumento do abdome, alguns sintomas vão se tornando cada vez mais comuns e por ora intensos, como a azia, a dificuldade de respirar e sensação de falta de ar, falta de posição para dormir, dor nas costas e retenção de líquido. Claro que cada mulher pode sentir esses sintomas de intensidade variável, mas eles são bastante comuns.

Você também vai notar que a movimentação fetal parecerá mais vigorosa, chegando a incomodar por vezes. Isso porque seu pequeno agora é maior! Uma sensação de peso na parte inferior do abdome também é comum.

Para as mamães, indicamos nessa semana realizar alguns exames laboratoriais para reafirmar a ausência de algumas doenças infecciosas, bem como de anemia, de diabetes ou outras comorbidades. São exames que dependem da sua rotina inicial.

Se você está pensando em fazer um Ultrassom 3D, que, apesar de não acrescentar muitas informações relevantes sobre a saúde do bebê, pode mostrar com maiores detalhes a sua fisionomia, esse é um bom momento de agendar e se programar para ele.

Caso você não tenha tomado ainda a vacina DPTa, lembre-se de fazer isso esse mês. Aproveite e certifique-se de que estão todas em dia! E, caso seu tipo sanguíneo seja Rh Negativo e você precise tomar a Vacina chamada Rhogan, esse é um bom momento!

Beijokas, Denise.

 

 

 

Veja também

Dra, como será o meu Parto?

Com grande frequência eu recebo a seguinte pergunta das minhas pacientes durante o acompanhamento de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *